Seg, 26 Setembro, 2022  |

Otimização do funcionamento das elevatórias gera forte poupança

2022-03-11

A AdDP alterou o regime de funcionamento das instalações de Média Tensão (MT), de modo a privilegiar o funcionamento em horas de ponta (HP), uma vez que apresenta um tarifário mais económico durante os meses de janeiro a março, e de novembro a dezembro.

Desde o início do ano, a tarifa em HP (normalmente a mais cara) apresenta um valor mais baixo do que a de Super Vazio (habitualmente a mais barata). Por conseguinte, a AdDP adaptou o regime de operação destas elevatórias colocando-as em funcionamento durante as horas de ponta e parando-as nas horas de Cheia (HC)..

Com a adoção desta medida, estima-se a obtenção de uma poupança média, por dia útil, de cerca de 400 euros, uma vez que a maioria das infraestruturas da AdDP funciona com Média Tensão, exceto a ETA de Lever (Alta Tensão), a Captação do rio Ovil (Baixa Tensão Especial) e os pontos de entrega (Baixa Tensão Normal).

As instalações que mais contribuem para estes ganhos são a EE de Jovim, EE de Ramalde, EE de Lagoa, EE de Seixo Alvo e EE da Quinta do Tapado.

A ETA de Castelo de Paiva encontra-se em fase de testes, estando a funcionar com apenas um grupo de bombagem na Captação da Bateira que, para além de ser mais estável para o seu funcionamento, é também muito mais eficiente.

Esta otimização do regime de funcionamento irá gerar uma poupança anual de 35 mil euros nos quatro meses de inverno que, somados às poupanças obtidas, em janeiro, com o projeto da Reserva de Regulação, já ultrapassaram os 100 mil euros.