Qui, 18 Abril, 2024  |

AdDP investe 2 milhões de euros para concretizar objetivo da neutralidade energética

2024-01-04

A empresa Águas do Douro e Paiva prossegue o objetivo de conquistar a sustentabilidade energética, através de investimentos na energia solar fotovoltaica: o primeiro grande investimento, ultrapassa 1,8 milhões de euros, com 3 mil módulos fotovoltaicos, e uma produção estimada de 3,3 GWh, tendo lugar na Estação de Tratamento de Água (ETA) em Lever e nas estações elevatórias de Seixo Alto, Lagoa, Ramalde, Jovim e Quinta da Tapada.

Para este investimento foi realizado um concurso público internacional e as obras estão a decorrer, instalando quase todos os painéis nas coberturas dos reservatórios de água.

Antecedendo este grande investimento, a empresa Águas de Douro e Paiva, em 2022, investiu em Unidades de Produção de Autoconsumo, que nas estações elevatórias de Escariz e Cunha, nos Reservatórios de Seixo Alto e na ETA de Castelo de Paiva, totalizam 70 painéis, com uma produção de 37,4 MWh, reduzindo as emissões em cerca de 9,8 toneladas de CO2.

Em 2023, foram instalados um total de 236 painéis no parque de estacionamento e edifício da ETA de Lever com uma produção anual de 163.300 KWh.

A empresa, tem um gasto anual de energia na ordem dos 110 GWh, o que corresponde a mais de metade dos seus custos operacionais.

António Borges, presidente do Conselho de Administração da Águas do Douro e Paiva, considera que: «Com este investimento, a empresa está a executar o seu plano de neutralidade energética, criando uma menor exposição ao mercado da energia, anulando custos em energia e contribuindo para uma redução significativa de emissão de CO2. Este é um primeiro grande investimento que contribui para a sustentabilidade da Águas do Douro e Paiva e aumenta significativamente a eficiência da empresa